segunda-feira, fevereiro 23, 2009

Indivíduo adquiriu nota 12 de aluno de direito que não pagou prestações ao banco e já não vai à oral

O número de casos de jovens estudantes universitários que não conseguem pagar ao banco as prestações do curso superior está a aumentar de forma galopante. Durante os últimos meses têm florescido empresas que organizam leilões de notas penhoradas pelas financeiras e casas de penhores exclusivamente dedicados na penhora de avaliações. “O meu negócio está em forte expansão. Tenho alunos tão desesperados que chegam a ceder todas as disciplinas do 1º e 2º ano do curso superior a troco de uma prestação mensal. Alguns que eram finalistas de Medicina estão agora a fazer o 9º ano por causa dos juros de mora”, afirmou um agiota da Universidade de Coimbra.

1 comentário:

arucci disse...

humor mais que negro e realista. parabéns!